Dinâmicas disfuncionais, disputa de guarda e alegações de alienação parental: uma compreensão sistêmica

Palavras-chave: Alienação parental, Perspectiva sistêmica, Disputa de guarda, Estudo psicossocial

Resumo

Desde a promulgação da lei de alienação parental (Lei nº 12.318/2010) no Brasil, a popularidade do tema e as suas alegações no contexto da Justiça só têm aumentado. Contudo, discussões críticas, técnicas e éticas sobre a sua aplicação nesse contexto ainda são necessárias. Por isso, neste artigo, apresentamos um estudo de caso qualitativo com base em dois casos atendidos pela equipe psicossocial do TJDFT. A discussão dos casos faz leituras sistêmicas sobre as alegações de alienação parental durante a disputa de guarda na Justiça. Essas leituras desvelaram a complexidade dos casos e a causalidade circular daquelas dinâmicas apontadas como ‘alienação parental’. No texto, também fazemos incursões sobre o papel e a postura dos profissionais da equipe psicossocial diante desses casos, a partir de uma perspectiva sistêmica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciana de Paula Gonçalves Barbosa, Núcleo de Assessoramento às Varas Cíveis e Família, Coordenadoria Psicossocial Judiciária, Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT – NERAF/COORPSI), Brasília/ DF

Psicóloga formada pela Universidade de Brasília, CRP 01/7789. Especialista em Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes pela USP/SP, com formação em Abordagem Familiar no Contexto Judicial. Especialista em Psicologia Jurídica. Analista Judiciária, especialidade Psicologia, desde outubro de 2000. Supervisora do Núcleo de Assessoramento às Varas Cíveis e de Família da Coordenadoria Psicossocial Judiciária do TJDFT – NERAF/COORSPI.

Josimar Mendes, University of Sussex, Brighton/East Sussex

Doctoral researcher na University of Sussex, Reino Unido. Especialista pelo Centre for Addiction and Mental Health (CAMH) – Toronto/Canadá. Psicólogo, terapeuta sistêmico de casais e famílias, mestre em Psicologia Clínica e Cultura (UnB).

Mariana Martins Juras, Eastern Illinois University, Charleston/IL

Psicóloga, doutora em Psicologia Clínica e Cultura pela Universidade de Brasília, Assistant Professor da Eastern Illinois University.

Publicado
2021-09-02
Como Citar
de Paula Gonçalves Barbosa, L., Mendes, J., & Martins Juras, M. (2021). Dinâmicas disfuncionais, disputa de guarda e alegações de alienação parental: uma compreensão sistêmica. Nova Perspectiva Sistêmica, 30(69), 78-95. https://doi.org/10.38034/nps.v30i69.612
Seção
Artigos