Musicoterapia Familiar Sistêmica: As práticas sonoros-musicais no fortalecimento dos vínculos familiares pós-adoção

Palavras-chave: musicoterapia familiar sistêmica, musicoterapia, família, adoção, terapia familiar

Resumo

A Musicoterapia Familiar Sistêmica (MFS) é uma abordagem pouco explorada no Brasil e tem como objetivo utilizar a música e seus elementos para promover a melhoria do sistema familiar e das relações familiares. Às vezes, as questões a serem trabalhadas na terapia familiar são complexas e difíceis de expressar em palavras e, nesse contexto, as práticas sonoro-musicais podem favorecer a expressão desses conteúdos. Esta pesquisa tem como objetivo descrever as contribuições das práticas sonoro-musicais no fortalecimento dos vínculos familiares pós-adoção na perspectiva da MFS. Caracteriza-se como pesquisa qualitativa e exploratória. Relata seis intervenções realizadas com uma família pós-adoção, em Curitiba/PR. Identifica como contribuições das práticas sonoro-musicais vivenciadas: modificações nos padrões de relações familiares; integração entre os membros da família no fazer sonoro-musical compartilhado; oportunização de espaço-tempo para a escuta dos membros da família. Conclui que as intervenções realizadas possibilitaram observar mudanças significativas na escuta e na postura dos membros da família, aspectos que contribuíram na dinâmica familiar e oportunizaram ampliar o conhecimento sobre MFS.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriely Garcia, Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), Paranavaí/PR

Musicoterapeuta (CPMT 347/20-PR) graduada pela Universidade Estadual do Paraná. Gestalt-terapeuta pelo Instituto de Gestalt de Curitiba. Pós-graduanda em Transtornos Neurocognitivos pela Faculdade Unyleya.

Lydio Roberto Silva, Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), Paranavaí/PR

Mestre em Mídia e Conhecimento pela Universidade Federal de Santa Catarina. Graduado em Musicoterapia e Licenciado em Música pela Faculdade de Educação Musical do Paraná (FEMP). Docente do Bacharelado em Musicoterapia da Universidade Estadual do Paraná.

Publicado
2021-04-28
Como Citar
Garcia, G., & Silva, L. R. (2021). Musicoterapia Familiar Sistêmica: As práticas sonoros-musicais no fortalecimento dos vínculos familiares pós-adoção. Nova Perspectiva Sistêmica, 29(68), 6-18. https://doi.org/10.38034/nps.v29i68.569
Seção
Artigos