SAÚDE MENTAL FEMININA E CICLO REPRODUTIVO: UMA REVISÃO DE LITERATURA

Palavras-chave: mulher, saúde mental, medicalização, Psicologia Social Construcionista, Feminismo Interseccional

Resumo

Este artigo objetiva refletir criticamente sobre a produção na literatura a respeito do adoecimento mental de mulheres em relação ao ciclo reprodutivo feminino, com destaque para marcadores sociais como raça e classe social. Trata-se de um recorte da revisão de literaura de uma tese que selecionou 80 artigos, correspondente à categoria “ciclo reprodutivo”, totalizando 22 artigos. Na introdução fazemos uma retomada histórica da associação do ciclo reprodutivo à saúde mental feminina, advinda de uma leitura essencialista da mulher e da medicalização de seu corpo. Como referencial teórico, adotamos a Psicologia Social Construcionista e o Feminismo Interseccional. A pesquisa foi realizada na Biblioteca Virtual em Saúde e caracteriza-se como revisão de literatura integrativa. Na seleção consideramos artigos em inglês, português e espanhol no período entre 2014 a 2018. Os textos foram divididos em subtemas relacionados ao objetivo do artigo, considerando o transtorno mental e algum período do ciclo reprodutivo feminino. Os achados da revisão enfocam os determinantes sociais envolvidos no adoecimento feminino, como pobreza, sobrecarga de trabalho e violência. Concluímos que as informações do estudo permitem desessencializar o adoecimento mental feminino, indicando que as atribuições sociais às mulheres têm sido fonte de adoecimento para elas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Carolina Medrado, Universidade Federal da Bahia, Salvador/BA

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da UFBA. Psicóloga. Mestra em Saúde, Ambiente e Trabalho pela Faculdade de Medicina da Bahia (UFBA). Especialista em Saúde Mental na modalidade resi-dência multiprofissional em saúde (UNEB). Pesquisadora do Grupo de Pesquisa Laboratório de Estudos Vinculares em Saúde Mental do Instituto de Psicologia (UFBA).

Mônica Lima, Universidade Federal da Bahia, Salvador/BA

Professora Associada III da UFBA. Psicóloga. Possui Mestrado e Doutorado em Saúde Pública/Coletiva pelo Instituto de Saúde Coletiva (UFBA), Pós-Doutorado em Psicologia Social pela Universidad Autónoma de Barcelona (UAB). Pesquisadora do Grupo de Pesquisa Laboratório de Estudos Vinculares em Saúde Mental do IPS/UFBA. Colaboradora do grupo de pesquisa “Laicos IAPSE” (UAB). Professora permanente da Pós-Graduação em Psicologia (IPS/UFBA).

Publicado
2020-08-31
Como Citar
Medrado, A. C., & Lima, M. (2020). SAÚDE MENTAL FEMININA E CICLO REPRODUTIVO: UMA REVISÃO DE LITERATURA. Nova Perspectiva Sistêmica, 29(67), 70-84. https://doi.org/10.38034/nps.v29i67.560
Seção
Artigos